O trânsito de Vênus

Um evento raro e histórico está para acontecer: o trânsito de Vênus. E se você quiser vê-lo, fique esperto, pois ele não vai se repetir em sua vida – a menos que você viva mais de 120 anos.

Vênus passará diretamente em frente ao Sol, a partir da perspectiva da Terra, aparecendo como um pequeno ponto que se move lentamente.

Se puder viajar, fique sabendo que o trânsito inteiro será amplamente visível do leste da Ásia, leste da Austrália, Nova Zelândia e oeste do Pacífico, bem como o Alasca, norte do Canadá e quase todos da Groenlândia.

E se não puder sair do Brasil – mas quiser muito presenciar o evento – vá para o extremo oeste, onde ele também será visível.

A última vez que o evento aconteceu foi em 2004, porém os trânsitos de Vênus têm um período variável, que pode ser em um intervalo de 8 anos até 121 anos. Mas é previsível e, segundo especialistas, acontecerá novamente somente em 2117.

Então marque no seu calendário: este ano, ele acontece do dia 5 de junho para o dia 6 do mesmo mês, e durará cerca de 7 horas. É a sua última chance! 🙂

Fonte: MSN

Planetário Prof. Aristóteles Orsini

Fiquei um tempo sem postar – motivos de saúde e correria do dia a dia – e voltei com vontade de postar um monte de coisas. Queria falar sobre o observatório La Silla, sobre a inauguração do planetário do ABC, sobre o trânsito de Vênus, mas vou acabar falando sobre o planetário de São Paulo porque já tinha um texto quase pronto (hehe).

Se você curte astronomia, tecnologia, ou gosta de ficar contando estrelas, precisa conhecer o Planetário Prof. Aristóteles Orsini: ele é dotado de modernos projetores que permitem avistar o céu.

O StarMaster, por exemplo, é um projetor fabricado pela Carl Zeiss que tem capacidade de avistar o céu de qualquer ponto conhecido do universo. E por usar sistema de projeção de fibra óptica, as estrelas são reproduzidas em cor e brilho reais.

Além disso, o planetário – que é o primeiro da América Latina – tem projetores periféricos que são capazes de trazer as imagens captadas pelo telescópio Hubble e satélites da NASA. Quando fui pela primeira vez, confesso que me surpreendi: a projeção das estrelas e nebulosas é perfeita, de encher os olhos. Uma verdadeira viagem pelo Universo!

Vale dar um pulinho lá! 😉

Planetário e Escola  Municipal de  Astrofísica  Prof. Aristóteles Orsini
Horário: sábados, domingos e feriados, com sessões às 11h (apresentação voltada para as crianças) e às 15h (pra gente mesmo!).
End.: Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 10 (para pedestres) ou portão 3 para estacionamento, com uso de cartão zona azul  – Parque do Ibirapuera, zona sul, São Paulo (cerca de5 Km do Metrô Santa Cruz)
Tel.: (11) 5575-5206